Governo do Estado autoriza realização de concurso para professores e administrativos da Educação

O governador Reinaldo Azambuja publicou no Diário Oficial desta segunda-feira (14.5) autorização para a realização de concurso público de Provas e Títulos para a seleção de profissionais para o Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Educação.

De acordo com o Decreto n. 14.996, serão ofertadas 1.000 vagas para o cargo de Professor da Carreira Profissional da Educação Básica. Já o Decreto n. 14.997, traz as informações acerca da abertura de concurso para 500 vagas para cargos da Carreira Apoio à Educação Básica.

“Para que tenhamos sucesso é preciso valorizar o profissional da Educação, investir em concurso público e formação continuada, de maneira que tenhamos uma equipe compromissada com a aprendizagem dos estudantes sul-mato-grossenses”, destaca a secretária de Estado de Educação Maria Cecilia Amendola da Motta.

Nos últimos três anos, o Governo do Estado prorrogou a vigência de concurso público, possibilitando a posse de 1.143 professores e 740 administrativos e concedeu reajustes salariais que levaram os professores de Mato Grosso do Sul a serem os mais bem pagos do País entre as redes estaduais de ensino.

Realização

A realização do Concurso de Provas e Títulos, de responsabilidade da Secretaria de Estado de Educação (SED) e Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização (SAD), respeitará a normas e procedimentos para o recrutamento e seleção de candidatos, observados os dispositivos da legislação vigente.

As atribuições da Comissão Organizadora, as fases e os requisitos para aprovação em cada uma delas, as modalidades das provas, seus conteúdos e forma de avaliação, requisitos legais para ingresso na carreira e o prazo de validade do Concurso Público serão divulgados em edital futuro.

Os Decretos sobre a realização de concurso para professores e administrativos estão disponíveis na página 1 do DOE n. 9.654.

Anúncios

Guia prático para passar em concurso em 1 ano!

Você que estuda para concursos públicos, imagina que poderá ser aprovado com apenas um ano de estudos?

Tenha a certeza de que, se você decidir estudar da forma correta e pelo método adequado, daqui a exatamente um ano você estará aprovado e nomeado para o cargo dos seus sonhos.

Essa é a proposta do método desenvolvido pelo Kalebe Dionísio, criador do Guia prático para passar em concurso público em 1 ano, que já ajudou a realizar o sonho de milhares de concurseiros de todo país.

Kalebe mostra o passo a passo do método que o fez alcançar 8 aprovações e nomeações em concursos federais aos 22 anos de idade.

Você precisa entender e considerar que não existe uma “receita de bolo” pronta para seguirmos quando o assunto é estudar para concurso público. No entanto, EXISTE SIM, um passo a passo que te ensina as técnicas, estratégias e metodologias apontando para a melhor forma de estudar e seu desempenhos nos estudos com eficácia a fim de obter resultados nunca antes alcançados. Isso se chama otimização dos estudos, e essa é a proposta do Guia Prático para Passar em Concurso Público em 1 Ano.

Metodologias do Guia Prático Para Passar Em Concurso Em 1 Ano

Toda a metodologia ensinada no Guia Prático Para Passar em Concurso Público em 1 Ano foi exaustivamente testada e aprovada durante os cinco anos de concurseiro na vida de Kalebe Dionísio, que colecionou ao longo de todo esse tempo, nada menos do que 10 aprovações com as devidas nomeações. Sendo quatro dessas no seu 1º ano de Estudo, aplicando todos os métodos, estratégias e técnicas ensinadas no Guia Prático Para Passar em Concurso Público em 1 Ano.

É claro que tudo isso não acontece isoladamente, se faz necessário que você tenha foco, esforço e que acredite em você, que tenha disciplina, sem descartar a fé, que é necessária para a nossa própria existência.

Portanto, passar em concurso público como resultado de 1 ano de estudo sistematizado objetivando a aprovação, é algo completamente possível, ainda mais se você faz uso do curso que tem mudado a forma de estudar de muitos concurseiros.

Não basta estudar como um louco 24 horas por dia, é indispensável aprender como estudar, otimizando e validando eficazmente todas as horas e dias dedicados aos estudos de maneira que possa colher resultados nunca antes conseguidos.

Um Ano é Muito Tempo Para Estudar?

Um ano parece muito tempo para quem apenas espera sem ter  que fazer absolutamente nada, mas o mesmo ano passa velozmente para quem espera estudando e se preparando corretamente para enfrentar e vencer o desafio de cada concurso.

O tempo não para nunca, por isso não devemos esperar demais para tomarmos uma certa decisão, porque os milésimos de segundos se transformam rapidamente em segundos, que se transformam em minutos, que se transformam em horas, que se transformam em dias, semanas, meses e…, quando menos se espera, já se passou mais um ano!

O Guia Prático Para Passar em Concurso Público em 1 Ano é todo feito com uma linguagem de fácil entendimento, contendo 12 Módulos, cada módulo com Vídeo Aulas que ensinam uma metodologia exclusiva, testada e aprovada inúmeras vezes pelo próprio idealizador e criador do curso Kalebe Dionísio e por diversos outros aprovados no Brasil, ou seja, é algo que realmente funciona!

Trata-se de uma metodologia abrangente na preparação para qualquer concurso público. Uma das coisas mais frustrantes na vida de um concurseiro é ter que enfrentar reprovação após reprovação quando se acreditou estar fazendo a coisa certa na hora de estudar, mas isso pode ser revertido quando se estuda da maneira certa.

Acontece que nem todas as pessoas sabem como ensinar a maneira correta de estudar, considerando essa verdade, o que dizer então de ser ensinado, passo a passo, por alguém que coleciona 10 aprovações e nomeações em concursos federais?

Isso não te motiva a aprender com quem criou e usou toda a metodologia contida no Guia Prático Para Passar em Concurso Público em 1 Ano?

Até mesmo na hora de pensar nas condições financeiras do concurseiro, o autor do Guia Prático foi sensato e justo quando ousou lançar uma obra tão necessária aos concurseiros e tão valiosa pois a intenção não era fatura dinheiro e sim ajuda concurseiros de todo o pais, por um preço inacreditavelmente baixo, um preço aquém do que realmente vale pelo seu teor inteiramente útil. Um preço que chega a ser simbólico, se consideramos tudo o que Kalebe Dionísio oferece junto com seu curso.

Você pode mudar a forma como encara os concursos públicos pagando R$ 197,00 – cento e noventa e sete reais, sim, apenas R$ 197,00.

Invista em você e na sua capacidade de aprender da forma correta. Não perca mais tempo, porque 1 ano passa muito rápido.

Qual é a garantia?

O guia prático para passar em concurso público Kalebe Dionísio oferece uma garantia incondicional de 30 dias.

Ou seja, caso você não se sinta satisfeito com o programa ou ache que não valeu a pena o investimento, é só enviar uma mensagem e o Kalebe devolve todo o seu dinheiro.

Essa garantia mostra o quanto o Kalebe preza pela qualidade e satisfação dos seus alunos.

Clique aqui para garantir sua vaga na próxima Turma!

Concurso Banco do Brasil tem 127 mil inscritos. Veja seu local de provas

concurso Banco do Brasil 2018 para provimento de vagas, no nível inicial da Carreira Administrativa, no cargo de Escriturário registrou um total de 127.304 candidatos inscritos. Em número de inscritos São Paulo lidera com 37.568 inscritos, logo atrás, Rio de Janeiro e Brasília.

concurso Banco do Brasil prevê vagas para formação de cadastro de reserva para provimento de vagas, no nível inicial da Carreira Administrativa, no cargo de Escriturário, em dependências situadas nas cidades de Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP).

As provas serão aplicadas no próximo domingo, 13/05/2018.

CARTÃO DE CONFIRMAÇÃO DE INSCRIÇÃO – LOCAL DE PROVA

APLICAÇÃO DAS PROVAS DO CONCURSO BANCO DO BRASIL S.A 2018

As provas objetivas e de Redação terão a duração de 5 (cinco) horas e serão aplicadas na data de 13/05/2018.

O(A) candidato(a) deverá chegar ao local das provas com 1 (uma) hora de antecedência do início das mesmas, munido(a) de Cartão de Confirmação de Inscrição.

Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SESDF)

Secretário de Saúde: Humberto Lucena Pereira da Fonseca

Secretario-Adjunto de Assistência à Saúde: Daniel Seabra Resende Castro Correa

Secretario-adjunto de Gestão em Saúde: André Paixão

Secretaria de Saúde é o órgão do Poder Executivo do Distrito Federal responsável pela organização e elaboração de planos e políticas públicas voltados para a promoção, prevenção e assistência à saúde. É função da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SESDF) dispor de condições para a proteção e recuperação da saúde da população, reduzindo as enfermidades, controlando as doenças endêmicas e parasitárias e melhorando a vigilância à saúde, dando, assim, mais qualidade de vida aos moradores do Distrito Federal.

Telefones Institucionais (em atualização)

Atendimento Público – Disque Saúde 160

De acordo com o Decreto nº 36.918, de 26 de novembro de 2015, a estrutura da Secretaria de Saúde do Distrito Federal passa a ter a seguinte organização:

I- Administração Central

II- Superintendências de Regiões de Saúde

III – Unidades de Referência Assistencial; e

IV – Unidades de Referência Distrital 

 

§1° São vinculados à Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal os seguintes órgãos:

De acordo com o decreto 36.236, de 1° de janeiro de 2015, Art. 19 – A Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal tem atuação e competência nas seguintes áreas:

I- gestão do Sistema Único de Saúde;

II – prevenção e assistência integral à saúde;

III – sistemas de saúde;

IV – gestão dos hospitais e postos de saúde públicos;

V – integração comunitária de saúde;

VI – integração com a rede privada;

VII – vigilância sanitária;

VIII – formação e capacitação dos servidores da saúde.

De acordo com o decreto 37.760, de 07 de novembro de 2016, integram a Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal:

I – Secretaria Adjunta de Assistência à Saúde

II – Secretaria Adjunta de Gestão em Saúde

III – Gabinete do Secretário;

IV – Assessoria de Judicialização

V – Diretoria Executiva do Fundo de Saúde do Distrito Federal

VI – Ouvidoria

VII – Subsecretaria de Vigilância em Saúde

VIII – Subsecretaria de Atenção Integral à Saúde

IX – Subsecretaria de Planejamento em Saúde

X – Subsecretaria de Administração Geral

XI – Subsecretaria de Gestão de Pessoas

XII – Subsecretaria de Logística em Saúde

XIII – Subsecretaria de Infraestrutura em Saúde

Subordinam-se à Chefia de Gabinete do Secretário, de acordo com o Decreto nº 36.918, de 26 de novembro de 2015:

I – Assessoria Especial;

II – Assessoria de Comunicação;

III – Assessoria de Gestão Estratégica e Projetos;

IV – Unidade de Controle Interno;

V – Ouvidoria;

VI – Assessoria de Relações Institucionais;

V – Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos e Tecidos Humanos. 

MISSÃO“Garantir ao cidadão acesso universal à saúde mediante atenção integral e humanizada”.

VISÃO“Ser um sistema de saúde que a população conheça, preze e confie, sendo excelência e referência na atenção integral à saúde, apresentando os melhores indicadores de saúde do país”.

VALORESCompromisso

Ética

Humanização

Respeito

Valorização do servidor

  



Subsecretarias


Superintendências

Região de Saúde Central: Asa Norte, Lago Norte, Varjão, Cruzeiro, Sudoeste, Octogonal, Asa Sul, Lago Sul

Região de Saúde Centro-Sul: Núcleo Bandeirante, Riacho Fundo I e II, Park Way, Candangolândia, Guará, Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Setor Complementar de Indústria e Abastecimento (SCIA) e Estrutural

Região de Saúde Norte: Planaltina, Sobradinho, Sobradinho II e Fercal

Região de Saúde Sul: Gama e Santa Maria

Região de Saúde Leste: Paranoá, Itapoã, Jardim Botânico e São Sebastião

Região de Saúde Oeste: Ceilândia e Brazlândia

Região de Saúde Sudoeste: Taguatinga, Vicente Pires, Águas Claras, Recanto das Emas e Samambaia

As superintendências foram criadas para coordenar as ações nas regiões de saúde do Distrito Federal. As regiões são determinadas de acordo com a territorialização do DF. As definições abaixo estão de acordo com o DECRETO Nº 38.982, DE 10 DE ABRIL DE 2018.

Unidades de Referência Assistencial

Instituto de Saúde Mental

Centro de Orientação Médico Psicopedagógica – COMPP

Unidades de Referência Distrital*

* As Unidades de Referência Distrital (URD) concentram processos de atendimento de alta complexidade e têm como característica dar suporte para toda a rede em especialidades específicas. Elas estão subordinadas a administração central, o que garante a gestão estratégica de serviços que são referência para a população do Distrito Federal.

Concurso Ebserh Nacional: Convocação para as provas objetivas

O Cespe/Cebraspe divulgou o local da prova do concurso público da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) (Concurso Ebserh Nacional).

LOCAIS DE PROVAS DO CONCURSO EBSERH NACIONAL

APLICAÇÃO DAS PROVAS DO CONCURSO EBSERH NACIONAL

ÁREA MÉDICA

As provas objetivas terão a duração de 3 horas e serão aplicadas na data de 6 de maio de 2018, no  turno da manhã.

Via: https://www.diariooficialdf.com.br/

Concurso GHC RS 2018: Inscrições abertas para cargos de nível médio e superior. Salários de até R$ 21.354,00

EDITAL DO CONCURSO GRUPO HOSPITALAR CONCEIÇÃO (GHC) DO RS 2018

O Grupo Hospitalar Conceição do RS divulgou a abertura do edital do concurso público (Concurso GHC RS 2018) para formação cadastro reserva em cargos de nível médio e superior para atuação na matriz (Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A.) e nas filiais que compõem o Grupo Hospitalar Conceição (GHC). A organizadora é a MS Concursos.

O Concurso GHC RS 2018 visa o preenchimento de cargos efetivos e temporários.

INSCRIÇÃO DO CONCURSO GHC RS 2018

As inscrições poderão ser efetuadas somente até às 23h59min (vinte e três horas e cinquenta e nove minutos), horário de Brasília, do dia 03/06/2018.

As inscrições serão realizadas, exclusivamente, por meio da internet, através do site
www.msconcursos.com.br.

O último dia para pagamento das inscrições será 04/06/2018.

PROVAS DO CONCURSO GHC RS 2018

A divulgação do dia, locais e horários específicos de aplicação das provas, será feita de acordo com o nível de escolaridade do cargo:

  • NÍVEL SUPERIOR: 22/06/2018
  • NÍVEL MÉDIO: 15/06/2018

As avaliações serão aplicadas no dia 1º/07 (nível superior) e no dia 24/06 (nível médio).

Os gabaritos preliminares para os cargos de nível superior serão divulgados na data de 03/07/2018, já para os cargos de nível médio serão publicados 26/06/2018.

DETALHES DO CONCURSO GHC RS 2018

  • Concurso: Grupo Hospitalar Conceição do Rio Grande do Sul (GHC-RS)
  • Banca organizadora: MS Concursos
  • Escolaridade: Médio e Superior
  • Número de vagas: cadastro reserva
  • Remuneração: até R$ 21.354,00
  • Inscrições: Até 03 de junho de 2018
  • Taxa de Inscrição: R$ 59,00 (nível médio) e R$ 100,00 (nível superior)
  • Provas: 1º/07 (nível superior) e no dia 24/06 (nível médio)

via: diariooficialdf.com.br

 

Concurso Polícia Civil SP (PC SP): Publicado o edital para 500 vagas de nível médio!

A Polícia Civil do Estado de São Paulo publicou dois editais de concurso público (Concurso PC SP 2018) para o preenchimento de 500 vagas, sendo 300 vagas para o cargo de Agente de Telecomunicações Policial e 200 vagas para Papiloscopista Policial. Ambos os cargos têm exigência de nível médio. A Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Vunesp) é a organizadora do concurso público.

INSCRIÇÕES DO CONCURSO POLÍCIA CIVIL DE SP (PC SP)

As inscrições ficarão abertas, exclusivamente, via internet no site da Fundação VUNESP (www.vunesp.com.br), no período das 10h de 3 de maio de 2018 às 23h59min de 1º de junho de 2018 (horário de Brasília), de acordo com os itens subsequentes.

Valor da taxa de inscrição taxa de inscrição de R$ 56,54 (cinquenta e seis reais e cinquenta e quatro centavos) até a data limite para pagamento (atenção para o horário bancário).

PROVAS DO CONCURSO POLÍCIA CIVIL DE SP (PC SP)

A prova preambular avaliará o conhecimento do candidato e será constituída de 80 (oitenta) questões objetivas com 5 (cinco) alternativas cada uma.

A prova preambular será aplicada nas cidades de Araçatuba; Bauru; Campinas; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo (Capital e Grande São Paulo); Piracicaba e Sorocaba.

As avaliações serão aplicadas na data  prevista de 1º de julho de 2018, em locais e horário a serem divulgados oportunamente. A avaliação terá duração de quatro horas.

via: diariooficialdf.com.br